Profissionais da UTI Materna da Maternidade Marly Sarney recebem treinamento para manuseio de equipamento de hemodiálise

29 de Maio de 2017

Funcionamento, preparação e processo de desinfecção do equipamento fizeram parte da capacitação

A equipe da UTI (Unidade de Terapia Intensiva) Materna da Maternidade Marly Sarney, em São Luís (MA), recebeu capacitação para manusear equipamento de hemodiálise, entre 24 e 26 de maio. O aparelho é mais um recurso disponível no local para ampliar a qualidade do atendimento às pacientes. A UTI Materna conta com oito leitos e é a primeira do gênero em funcionamento na rede pública de saúde do Maranhão.

“Com a utilização desta máquina de hemodiálise daremos uma assistência maior às pacientes. Trata-se de um aparelho muito moderno”, destacou Pedro Humberto Souza, coordenador da UTI Materna. No local, os serviços oferecidos atendem pacientes da Maternidade Marly Sarney e casos encaminhados pelo Sistema de Regulação de Leitos Obstétricos da Secretaria de Estado da Saúde, que assegura a transferência das gestações de alto risco para a unidade.

Na capacitação, os profissionais conheceram o funcionamento do aparelho, desde a preparação, conexão e monitorização da paciente enquanto estiver conectada até a desconexão e o processo de desinfecção do equipamento.

“Durante o treinamento expliquei à equipe que é sempre necessário ter muita atenção enquanto a máquina estiver ligada, pois estamos mexendo com toda a circulação sanguínea da paciente. Por isso, estamos treinando e explicando que o processo de diálise envolve várias situações e tem de haver sempre um monitoramento de forma adequada”, detalhou a palestrante.

Outro ponto elencado como essencial durante o treinamento foi a aferição da pressão arterial e a observação contínua dos parâmetros da máquina. A equipe da UTI Materna foi lembrada sobre a importância do monitoramento das alterações de pressão, uma vez que elas podem indicar eventuais complicações. Em alguns casos, é necessária intervenção rápida para evitar riscos à saúde de quem recebe o tratamento.