Ação social do Instituto Acqua realiza 247 atendimentos de saúde no bairro Cohab em São Luís (MA)

26 de Março de 2018

Atividade aconteceu na área externa da Maternidade Benedito Leite e foi dedicada à prevenção do câncer de colo do útero, entre outros serviços

Os moradores do bairro Cohab, em São Luís (MA), e região, puderam participar de uma programação especial no último sábado (24/3): a primeira ação social do Instituto Acqua em 2018. Promovida em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde (SES), a iniciativa ofereceu aferição de pressão arterial, teste de glicemia, vacinação e exame preventivo do câncer de colo de útero, além de orientações sobre como prevenir essa doença e cuidados com recém-nascidos. Durante toda a manhã, 247 atendimentos foram realizados na área externa da Maternidade Benedito Leite.

A ação social contou com atividades compartilhadas entre o Hospital Infantil Dr. Juvêncio Mattos e as maternidades de Alta Complexidade do Maranhão e Nossa Senhora da Penha. Entre os atendimentos oferecidos, foram registrados 57 vacinações, 60 aferições de pressão arterial e testes de glicemia, 35 preventivos do câncer de colo de útero e 85 orientações sobre esse tipo de doença, além de 10 demonstrações de cuidados básicos com recém-nascidos.

O médico obstetra Manoel Pimentel, diretor da Maternidade Benedito Leite, unidade de referência da ação, destacou a importância em usar atividades como essa para orientar as pessoas sobre como prevenir diversas doenças. “Esses serviços são extremamente importantes pelo caráter educativo que trazem. Os atendimentos oferecidos levam à população informações relevantes para o seu dia a dia, contribuindo para a saúde e qualidade de vida”, destacou.

Uma das primeiras pessoas a serem atendidas foi Conceição Silva, moradora da Vila Esperança. “Cheguei cedo e pretendo fazer o preventivo. Não fiz no ano passado e vou aproveitar essa oportunidade, que é oferecida gratuitamente e em um sábado, quando estou de folga”, explicou Conceição.

A tenda de imunizações registrou grande procura, devido à variedade de vacinas oferecidas, como febre amarela, tríplice viral, tétano, hepatite, varicela e influenza. “Aproveitei o atendimento. Aferi pressão arterial, fiz teste de glicemia e atualizei a carteira de vacinação”, explicou Terezinha Maciel, moradora do bairro.

A ação, promovida em março, mês alusivo às mulheres, também reforçou o combate à violência doméstica por meio da distribuição de cartilhas explicativas sobre a Lei Maria da Penha.

Todas as atividades contaram com a participação voluntária de profissionais do Instituto Acqua que atuam em unidades de saúde sob sua gestão em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde. Ao longo do ano, estão previstas outras ações similares no Maranhão.