contato@institutoacqua.org.br

Governo do Mato Grosso do Sul e Instituto Acqua inauguram Hospital de Campanha em Ponta Porã

07/08/2020

Anexo ao Hospital Dr. José de Simone Netto, Hospital de Campanha conta com 150 profissionais; são 60 leitos exclusivos para enfrentar a pandemia

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) do Mato Grosso do Sul e o Instituto Acqua inauguraram nesta sexta-feira (07/08) o Hospital de Campanha (HC) de Ponta Porã. A estrutura está localizada anexa ao Hospital Regional Dr. José de Simone Netto, na rua Jorge Roberto Salomão, ao lado da Clínica do Rim. O hospital conta 40 leitos de enfermaria e observação destinados para pacientes com sintomas respiratórios e Covid-19. Outros 20 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), no Hospital Regional de Ponta Porã, estão equipados com ventiladores mecânicos, central de monitoramento, monitores multiparâmetro e suporte avançado de vida.

Durante coletiva de imprensa realizada no final desta tarde, o Secretário de Estado da Saúde, Geraldo Resende, falou sobre a nova iniciativa. “A ativação desses leitos é reflexo de uma construção em conjunto com o Instituto Acqua e o município de Ponta Porã. Com a disponibilização de mais leitos de UTI e leitos clínicos do Hospital de Campanha, reforçamos o compromisso que o Governador, Reinaldo Azambuja, assumiu de não faltar nenhum leito de UTI para qualquer cidadão sul-mato-grossense, ampliando essas vagas para outras microrregiões e avançando cada vez mais na regionalização da saúde”, destacou.

Além do Secretário, demais autoridades municipais e o diretor-geral do Hospital Dr. José de Simone Netto, Demétrius do Lago Pareja, acompanharam a cerimônia de inauguração. “Disponibilizamos 40 leitos clínicos Covid-19 no Hospital de Campanha. Os pacientes com sintomas respiratórios serão triados na carreta da saúde e, se houver necessidade de internação, serão utilizados os leitos respiratórios. Urgências e emergências de pacientes sem sintomas respiratórios voltam a ser atendidas no acesso ao Pronto Socorro de nosso hospital”, explicou o diretor-geral.

O Hospital de Campanha conta aproximadamente com 150 profissionais entre médicos, enfermeiros, auxiliares e fisioterapeutas que formam equipe multiprofissional. A humanização do atendimento, característica da administração Acqua, também será implementada na nova unidade de saúde. “Nós do Instituto Acqua temos a preocupação em manter a qualidade do atendimento, com respeito e dedicação ao tratamento de cada paciente que passa por nossas unidades de saúde. Implantamos em outros hospitais de campanha um trabalho que passa por eficiência, responsabilidade e humanização. No Hospital de Campanha de Ponta Porã cada paciente terá esse retorno de nossos profissionais”, pontua Samir Siviero, diretor-presidente do Instituto Acqua.

Entenda o novo fluxo – A partir desta sexta-feira (07/08) os pacientes com sintomas respiratórios e suspeita de Covid-19 serão atendidos no acesso da rua Jorge Roberto Salomão, ao lado da Clínica do Rim. As demais urgências e emergências retornam para o atendimento no Pronto Socorro do Hospital Regional e serão atendidas no acesso da rua Walter Avelino. O atendimento às gestantes e consultas ambulatoriais permanecem no acesso da rua Baltazar Saldanha.

A medida tem intuito de manter o isolamento dos pacientes contaminados, prevenir a disseminação do vírus e preservar a segurança dos demais. Além dos 40 leitos Covid-19 implantados no Hospital de Campanha, o Hospital Regional também acaba de receber mais 10 leitos de UTI respiratória, totalizando 20 leitos exclusivos para pacientes com o novo coronavírus. O diretor-geral, Demétrius do Lago Pareja, ressalta que a unidade está equipada para atender toda a demanda de pacientes respiratórios.

“Esses novos 10 leitos de UTI Covid-19 são equipados com toda estrutura para atender casos graves da doença. Tudo foi projetado para proporcionarmos assistência efetiva e de qualidade para a população. No total, nosso hospital disponibilizará 161 leitos somando os leitos Covid-19 junto aos demais leitos de internação”, destacou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *