contato@institutoacqua.org.br

Hospital Tomás Martins (MA) promove treinamento sobre higienização hospitalar

07/11/2019

Capacitação voltada para auxiliares operacionais de serviços gerais atualizou conhecimentos sobre práticas que contribuam para redução de infecções cruzadas; unidade é gerenciada pelo Instituto Acqua em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde (SES)

O Hospital Macrorregional Tomás Martins, em Santa Inês (MA), promoveu na última terça-feira (5/10) treinamento sobre higienização hospitalar voltado para auxiliares operacionais de Serviços Gerais (AOSG). A capacitação integra ações de qualificação técnica para colaboradores que atuam nas unidades gerenciadas pelo Instituto Acqua em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde (SES) do Maranhão. Participaram desta etapa profissionais que trabalham no Centro Cirúrgico e Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

“Esse treinamento enfatizou que a limpeza hospitalar é elemento primário e eficaz nas medidas de controle para romper a cadeia epidemiológica das infecções. É importante compreender que a limpeza hospitalar visa ainda garantir aos usuários uma permanência em um local limpo, adequado, confortável, com a menor carga de contaminação possível”, explicou a enfermeira Laorrana de Sousa Paiva, do Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCIH).

O treinamento foi baseado no Caderno 6 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) que trata da Segurança do Paciente em serviços de saúde. Durante a ação foram tratados temas relacionados a técnicas básicas de higienização hospitalar, sobre resistência microbiana, superfícies contaminadas e a sobrevivência dos microrganismos nos ambientes. Informações da diferença conceitual entre limpeza e desinfecção, divisão dos setores em áreas – críticas, semicríticas e não criticas -, classificação de superfícies, além da importância da adoção de boas práticas e limpeza do Centro Cirúrgico e UTI também foram debatidos.

Um vídeo demonstrando o passo a passo da limpeza e terminal em diversos ambientes como banheiros, salas e clínicas também integrou a dinâmica do treinamento. A capacitação contou com a participação das enfermeiras Irlane Azevedo e Herlane Ferreira.

Na próxima semana será realizada mais uma etapa destinada aos colaboradores das clínicas, ambulatório, recepção e área externa. “Os serviços executados nesses setores devem ser pautados na complexidade, minuciosidade e detalhamento de modo que o processo de limpeza e desinfecção das superfícies contribuam para a redução da possibilidade de transmissão de infecções cruzadas e por fontes inanimadas”, concluiu Laorrana de Sousa.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *